PLANO DE MANUTENÇÃO, COMO IMPLEMENTAR EM CONDOMÍNIO
Home / Gestão da Manutenção / Inspeção predial e verificações / PLANO DE MANUTENÇÃO, COMO IMPLEMENTAR EM CONDOMÍNIO
plano de manutenção

PLANO DE MANUTENÇÃO, COMO IMPLEMENTAR EM CONDOMÍNIO

Muitos síndicos, estão tendo acesso as informações e a importância do PLANO DE GESTÃO DAS MANUTENÇÕES, mas ainda possuem duvidas de como devem proceder.

Já descrevemos a importância e o impacto nos condomínios, das ações controladas de planejamento prévio e em tempos regulares, das manutenções, mas a implementação depende de ações planejadas e tabulação das ações de modo a distribuir as ações em tempos, onde o recomendado é que não sejam tomadas duas grandes frentes simultaneamente. Caso desejem recuperar há links no artigo para cada tema especifico, o qual recomendamos a leitura.

Dentre as vantagens do planejamento prévio se encontra a contratação para manutenções preventivas, onde os custos sempre serão menores que as correções de falhas ou sistemas inoperantes.

A implementação é dada em etapas, e depende se o imóvel é novo ou antigo, onde a principal diferença esta no diagnostico inicial, para construção do planejamento pelos diversos sistemas do condomínio.

 

EDIFÍCIOS NOVOS E EM GARANTIA

Para imóveis novos e em garantia, o recomendado é se basear pelo MANUAL DAS AREAS COMUNS DO EDIFCIO, que é um documento obrigatório e que deve ser criado pelo Incorporador e entregue ao sindico, na entrega do empreendimento, neste manual, em conformidade com a ABNT NBR 14037, deve conter as ações necessárias e manutenções dos sistemas para que os mesmo atinjam sua vida útil, e a garantia do imóvel, esta diretamente atrelado a realização e registro destas ações.

 

EDIFÍCIOS MAIS ANTIGOS

Os empreendimentos, que já possuem uma certa idade, e que não possuem PLANO DE GESTAO DE MANUTENÇAO implementado, para a implementação se faz necessário 2 estágios e serviços independentes, iniciando pela INSPEÇÃO PREDIAL, procedimento de engenharia, que realiza um diagnostico de todos os sistemas do edifício, descrevendo os problemas, riscos, recomendações para correção e urgência das ações.

Com base no relatório da inspeção predial, o próximo passo é a realização de um trabalho de engenharia, onde o profissional descreve as ações de manutenções dos sistemas, visando inicialmente a recuperação dos problemas e ações necessárias para que por meio de ações preventivas os mesmos não voltem, ou mitigue a possibilidade de problemas que demandem ações corretivas.

 

ATUALIZAÇÃO DO PLANO DE MANUTENÇÃO

Independentemente do modo de criação do plano de manutenção, o mesmo necessita ser revisto e atualizado periodicamente, conforme as ações vão ocorrendo e diagnóstico do profissional as ações podem ser ajustadas quanto a periodicidade a qual pode aumentar ou diminuir, conforme estagio do mesmo.

As ações de reforma dos sistemas, também devem atender aos preceitos da ABNT NBR 16280, a qual diferente do pensamento de muitos também é aplicável em áreas comuns, e conforme normalização e legislação vigente as ações que interferem em sistemas, ou que haja trabalhos com riscos a saúde demandam possuir profissional(ais)  habilitado(s), que se responsabilize pelo projeto e execução das reformas dos sistemas conforme descreve o plano de manutenção.

 

REGISTRO DAS AÇÕES DE MANUTENÇÕES

Conforme preconiza, a norma e boas praticas sobre o tema, as ações realizadas e planejadas, necessitam ser armazenadas, de forma que sejam prontamente recuperáveis, criando um histórico das ações já realizadas e planejamentos futuros, sendo muito importante a transferência de informações aos síndicos futuros, para que as ações sejam realizadas e controladas, conforme um programa de longo prazo.

plano de manutenção

 

 

 

 

Comentários do Facebook
Atitude do Brasil
RSO Assessoria

About Ronaldo Sá Oliveira

Ronaldo Sá Oliveira
Diretor da RSO ASSESSORIA, especialista em normalização atuando em mais de uma centena de comissões técnicas nos últimos anos, dentre as quais ABNT NBR 14037 – norma de manuais de entrega; ABNT NBR 5674 – norma de gestão da manutenção; ABNT 16280 – norma de reforma (autor do texto base); ABNT NBR 15575 – norma de desempenho etc. Prestador de assessoramento técnico, laudos, pareceres a condomínios e gestão de reformas É assessor técnico de grandes entidades do setor imobiliário, construção e projetos, coordenador técnico de diversos manuais técnicos do setor e colunista de diversos canais voltados a construção e gestão de empreendimentos. whatsapp 11 99578-2550 ronaldo@rsoassessoria.com.br

Check Also

INSPEÇÃO PREDIAL

INSPEÇÃO PREDIAL, PERIODICIDADE EM CONDOMÍNIOS

A inspeção predial é imprescindível e partindo do princípio que as intemperes do tempo e …

RSO Assessoria
Atitude do Brasil